quarta-feira, 23 de maio de 2012

Curriculum Vitae de: Passos Coelho

                     
                       
                     
Foi esta semana um caso bastante falado mas já circulavam os rumores na...
TUGALEAKS.COM

Ex-toxicodependente, com várias desintoxicações feitas em Espanha, e com processos-crime por violência doméstica, por espancamento brutalmente da sua 1ª mulher, uma das cantoras do grupo musical conhecido, das ex-Doce, o que fez por cinco vezes, pelo menos, conforme consta, com queixas dos vizinhos por desacatos no prédio onde morava!...
NÃO OBSTANTE TUDO ISTO, EIS O SEU "INVEJÁVEL" CV:
Curricul
um do primeiro-ministro deste país....
Meus Amigos/as, algum de vós dava emprego (não estou a falar de trabalho!…) a alguém com esta “Carreira de Vida” (Curriculum Vitae [CV])!?...



NomePedro Passos Coelho  
Morada: Rua da Milharada - Massamá
(Atualmente: São Bento)

Data de nascimento: 24 de Julho de 1964
Formação Académica: Licenciatura em Economia - Universidade Lusíada
(concluída em 2001, com 37 anos de idade)

Percurso profissional: Até 2004, apenas actividade partidária na JSD e PSD;
a partir de 2004 (com 40 anos de idade) passou a desempenhar vários cargos em empresas do amigo e companheiro de Partido, Engº Ângelo Correia, de quem foi diligente e dedicado 'moço-de-fretes',
tais como:

(2007-2009) Administrador Executivo da Fomentinvest, SGPS, SA;
(2007-2009) Presidente da HLC Tejo,SA;
(2007-2009) Administrador Executivo da Fomentinvest;
(2007-2009) Administrador Não Executivo da Ecoambiente,SA;
(2005-2009) Presidente da Ribtejo, SA;
(2005-2007) Administrador Não Executivo da Tecnidata SGPS;
(2005-2007) Administrador Não Executivo da Adtech, SA;
(2004-2006) Director Financeiro da Fomentinvest,SGPS,SA;
(2004-2009) Administrador Delegado da Tejo Ambiente, SA;
(2004-2006) Administrador Financeiro da HLC Tejo,SA.

Este é o "magnífico" CV do homem que 'teoricamente' governa este País! Um homem que nunca soube o que era trabalhar até aos 37 anos de idade! Um homem que, mesmo sem ocupação profissional, só conseguiu terminar a Licenciatura (numa Universidade privada...) com 37 anos de idade!

Mais: um homem que, mesmo sem experiência de vida e de trabalho, conseguiu logo obter emprego como ADMINISTRADOR... em empresas de Ângelo Correia"barão" do PSD e seu tutor e patrão político!... E que nesse universo continua a exercer funções!...

É ESTE O HOMEM QUE FALA DE "ESFORÇO" NA VIDA E DE "MÉRITO"!
É ESTE O HOMEM QUE PRETENDE DAR LIÇÕES DE VIDA A MILHARES DE TRABALHADORES DESTE PAÍS QUE NUNCA CHEGARÃO A ADMINISTRADORES DE EMPRESA ALGUMA, MAS QUE LABUTAM ARDUAMENTE HÁ MUITOS E MUITOS ANOS NAS SUAS EMPRESAS, GANHANDO ORDENADOS DE MISÉRIA!

É ESTE O HOMEM QUE, EM TOM MORALISTA, FALA DE "BOYS" E DE "COMPADRIOS", LOGO ELE QUE, COMO SE COMPROVA, NÃO PRECISOU DE "FAVORES" DE NINGUÉM... PARA ARRANJAR EMPREGO!...
EDIFICANTE... NÃO É?...
DIGA LÁ... DAVA EMPREGO (QUE NÃO FOSSE O DE 'MOÇO-DE-RECADOS') A ALGUÉM COM ESTA 'FOLHA DE SERVIÇOS'?
POIS É...
DEPOIS DO SEU BRILHANTE E QUASE IGUAL ANTECESSOR,
   
PORTUGAL DEPRESSA  SE ENTERRÁ NO 'GUANO'!...
ALIÁS,
ESTE PORTUGAL TEM SIDO MESMO UM "GUANO"
Algum de vós dava emprego (não estou a falar de trabalho...) a alguém com esta"Carreira de Vida" (Curriculum Vitae [CV])!?...



Oh sorte malvada !!!... Com esta gentalha e seus antecessores próximos e mais afastados ...  já estou como dizia o outro ...
Pôrra, tamos fêtos ao bife "...








Foi esta semana um caso bastante falado mas já circulavam os rumores na Internet há bastante tempo sobre a ex-mulher de Passos Coelho e a violência doméstica.
TUGALEAKS.COM


Outro links relacionados:



http://jornalq.com/.../2163-o-que-muito-pouca-gente-sabe...
|



A VERDADEIRA BIOGRAFIA DE PEDRO PASSOS COELHO, O VIRA-LATAS
Pedro Passos Coelho era um estudante cábula. Um mundano da gama baixa. Um ambicioso, por conta da vontade que tinha de viver bem e de mandar. Inscreveu-se na JSD, não sem antes passar por outros sítios, a ver o que a coisa dava. Em boa verdade, não foi parvo, escolheu o único sítio viável e prenhe onde uma turbamulta de barões se podiam aniquilar reciprocamente e deixar passar o fura-vidas, escada acima.
Adoptou fato e gravata, o primeiro decerto emprestado. Bateu em quem tinha de bater, acabou o curso à cacetada e, em vez de embarcar numa nau dos Descobrimentos, que já não havia, foi ele próprio descobrir o mundo do bem-bom. Ângelo Correia, que é um tio esperto, e até é meu amigo, deu-lhe a mãozinha marota. Pressentiu no jovem aquele ímpeto, o chamado "killer-instinct", que poucos têm no ADN, mas que algumas pessoas dotadas detectam. Viria a ser descartado pelo protegido, mas a vida tem destas coisas ingratas. Ninguém gosta que nos lembrem de quem nos deu a mão.

A situação portuguesa até ajudava. Vinha aí a hipótese de uma renovação geracional, e mesmo não sendo novo, PPC podia fazer as vezes de um "velho dos novos". Ora ele apenas tem menos dez anos do que eu, portanto estamos conversados sobre o mito geracional. Canelada aqui, estalada acolá, o homem subiu o suficiente para se alcandorar, na sua parolice congénita, aos altares do poder de um País essencialmente raquítico, seja do ponto de vista cívico, seja cultural. Todo o saber e experiência que tem foram colados com cuspo de puto que bebia água da torneira, mas que aspirava a Vichy e a Champagne Louis Roederer. E a viajar em Falcon, à vez do eléctrico 28. Assim se fez o "estadista experiente", o "salvador da pátria", o salarzinho serôdio, amante do orçamento zero e do sado-masoquismo social.

A Tecnoforma serviu de primeira rampa de lançamento ao jovem-turco. Isto é, deu-lhe de comer, a meias com um Centro Português para a Cooperação, que, por mais que eu investigue, só tinha "cu", mas não tinha "coração". Tanto assim que toda a verba da reptílica instituição foi consumida no seu salário e mesmo assim não bastou para que o rapaz pagasse a Segurança Social. E por que havia ele de pagá-la, se lá no íntimo tencionava dar cabo dela? Lá nisso ele, PPC, viu mais à frente do que nós!

Chegou agora a fase da hagiografia. O cabotino há-de ser "santo", ou não integrasse ele as grandes qualidades da grei de outras épocas. Primeiro, mandou uma funcionária escrever a sua "biografia", como se aquilo, sendo verdade, fosse publicável, e sendo mentira, valesse a pena. Agora continua a receita programada pelos seus "spin-doctors". Dá "conselhos" a governos terceiros, apresenta-se como garante do passado, do presente e do futuro, como marido extremoso; como redentor da Nação. Sem ele, depreende-se, ficamos ainda mais paralíticos.

Este homem não passa de um vira-latas. Detesto-o pelo genocídio social que praticou a sangue frio, pela falta de compaixão, pela crueldade das suas omissões, por ser sonso e mentiroso congénito, por falta de memória e de vergonha. Se o povo português lhe renovar o seu voto é porque eu não sou Português, nem entendo nada do país em que nasci. Mas há um pequeno problema aqui: é que eu sou mesmo Português! Portanto, sejam consequentes e varram a criatura do mapa!


                      


  Pedro Passo Coelho

foi casado com uma das cantoras das"doce"

- Se a actual mulher de Pedro Passo Coelho só agora começa a ser conhecida para além do seu círculo de amigos, já a anterior, Fátima Padinha, era, na época, um dos rostos mais conhecidos de Portugal - era a Fá das Doce,
a girl band que, entre 1979 e 1986, coleccionou
êxitos com temas como Amanhã de Manhã, OK KO, Ali
Babá - Um Homem das Arábias, Bem Bom, muitos mais.
Cinco ou seis anos mais velha do que o (então)
jovem político, Fátima Padinha é a mãe das suas
duas primeiras filhas: a Joana, que nasceu em
1988, e a Catarina, que nasceu em 1993. E Pedro
Passos Coelho, que cantava o fado na Adega do
Ribatejo com os seus companheiros da JSD, na
altura em que viveu com a cantora ainda tentou
aperfeiçoar a sua voz de barítono, em aulas com
uma professora de canto lírico. E até chegou a
participar num casting para entrar num musical de
Filipe La Féria.


ESTE É UM GOVERNO PSD/CDS QUE DESPEDE OS PAIS, NEGA EMPREGO AOS FILHOS, ASSALTA OS AVÓS E ROUBA O FUTURO AOS NETOS.
É assim que este Governo fora-da-lei pode continuar a roubar aos milhares de milhões os portugueses, roubando-lhes os bolsos, os empregos, as pensões, os ordenados, os subsídios, os serviços públicos que eles pagam, o património que construíram, as empresas públicas que são de todos, destruindo o progresso que se alcançou nas últimas décadas apenas para poder enriquecer ainda mais os muito ricos e para poder aniquilar os resquícios de soberania que possam teimar em existir, espalhando a miséria e reduzindo os portugueses à inanição e à subserviência.
O que temos é um Governo não de salvação mas de traição nacional. De traição às suas promessas eleitorais, às suas juras de tomada de posse, às instituições democráticas e aos compromissos da civilização que todos abraçámos, de traição ao povo, espremido e vendido barato para enriquecer os credores.
E, no entanto, os portugueses não se movem. Ou quase não se movem. As acções do bando de malfeitores que se apoderou do Governo com falsas promessas parece tão inconcebível que parece impossível que alguém as leve a cabo sem que haja fortíssimas razões de interesse público, ainda secretas. Imagina-se que deve haver aí alguma racionalidade. Talvez o que o Governo diz da austeridade seja verdade. Talvez seja justo matar os pobres à fome para pagar aos bancos.. José Vitor Malheiros – “Público” 03 setembro 2013.





A Biografia de um "Vira latas"
António Ribeiro
24 de Junho de 2015


A VERDADEIRA BIOGRAFIA DE PEDRO PASSOS COELHO, O VIRA-LATAS

Pedro Passos Coelho era um estudante cábula. Um mundano da gama baixa. Um ambicioso, por conta da vontade que tinha de viver bem e de mandar. Inscreveu-se na JSD, não sem antes passar por outros sítios, a ver o que a coisa dava. Em boa verdade, não foi parvo, escolheu o único sítio viável e prenhe onde uma turbamulta de barões se podiam aniquilar reciprocamente e deixar passar o fura-vidas, escada acima.


Adoptou fato e gravata, o primeiro decerto emprestado. Bateu em quem tinha de bater, acabou o curso à cacetada e, em vez de embarcar numa nau dos Descobrimentos, que já não havia, foi ele próprio descobrir o mundo do bem-bom. Ângelo Correia, que é um tio esperto, e até é meu amigo, deu-lhe a mãozinha marota. Pressentiu no jovem aquele ímpeto, o chamado "killer-instinct", que poucos têm no ADN, mas que algumas pessoas dotadas detectam. Viria a ser descartado pelo protegido, mas a vida tem destas coisas ingratas. Ninguém gosta que nos lembrem de quem nos deu a mão.

A situação portuguesa até ajudava. Vinha aí a hipótese de uma renovação geracional, e mesmo não sendo novo, PPC podia fazer as vezes de um "velho dos novos". Ora ele apenas tem menos dez anos do que eu, portanto estamos conversados sobre o mito geracional. Canelada aqui, estalada acolá, o homem subiu o suficiente para se alcandorar, na sua parolice congénita, aos altares do poder de um País essencialmente raquítico, seja do ponto de vista cívico, seja cultural. Todo o saber e experiência que tem foram colados com cuspo de puto que bebia água da torneira, mas que aspirava a Vichy e a Champagne Louis Roederer. E a viajar em Falcon, à vez do eléctrico 28. Assim se fez o "estadista experiente", o "salvador da pátria", o salarzinho serôdio, amante do orçamento zero e do sado-masoquismo social.

A Tecnoforma serviu de primeira rampa de lançamento ao jovem-turco. Isto é, deu-lhe de comer, a meias com um Centro Português para a Cooperação, que, por mais que eu investigue, só tinha "cu", mas não tinha "coração". Tanto assim que toda a verba da reptílica instituição foi consumida no seu salário e mesmo assim não bastou para que o rapaz pagasse a Segurança Social. E por que havia ele de pagá-la, se lá no íntimo tencionava dar cabo dela? Lá nisso ele, PPC, viu mais à frente do que nós!

Chegou agora a fase da hagiografia. O cabotino há-de ser "santo", ou não integrasse ele as grandes qualidades da grei de outras épocas. Primeiro, mandou uma funcionária escrever a sua "biografia", como se aquilo, sendo verdade, fosse publicável, e sendo mentira, valesse a pena. Agora continua a receita programada pelos seus "spin-doctors". Dá "conselhos" a governos terceiros, apresenta-se como garante do passado, do presente e do futuro, como marido extremoso; como redentor da Nação. Sem ele, depreende-se, ficamos ainda mais paralíticos.

Este homem não passa de um vira-latas. Detesto-o pelo genocídio social que praticou a sangue frio, pela falta de compaixão, pela crueldade das suas omissões, por ser sonso e mentiroso congénito, por falta de memória e de vergonha. Se o povo português lhe renovar o seu voto é porque eu não sou Português, nem entendo nada do país em que nasci. Mas há um pequeno problema aqui: é que eu sou mesmo Português! Portanto, sejam consequentes e varram a criatura do mapa!









34 comentários:

  1. Assim se percebe a sua afirmação de que o desemprego não é um mal mas deve constituir uma hipótese de mudança. É que ele esteve desempregado até aos 37 anos e só depois arranjou (ou arranjaram-lhe) emprego. E como se vê, foi longe. O tempo de desemprego deu-lhe que pensar. É o actual primeiro ministro de um país da treta.

    ResponderEliminar
  2. De facto, como se elege para Pm um homem com este curriculum?

    ResponderEliminar
  3. Se não aparece meia duzia de SALAZARES estamos fu.........

    ResponderEliminar
  4. É esta escumalha que nos tem governado desde o 25 de Abril, o único que tem razão é o OTELO

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é pena Você não saber que enquanto está a escrever para este blog o OTELO passava férias em Hotel de 5 estrelas em SAIDIA Marrocos (Hotel BE LIVE SAIDIA) na semana de 29 de julho a 5 de agosto de 2012. É esse o seu líder espiritual ??? Em vez de andar a mandar bitates melhor seria ir trabalhar....Você e todos aqueles que ora promovem o salazar como o OTELO.... Não passam de uma orda de analfabetos políticos e que não estudam nem trabalham.

      Eliminar
  5. Pobres Portugueses que só pensam em cerveja e futebol, e não tem cultura de espécie nenhuma, por isso aguentem. Eu emigrei.
    Nota: não que eu também não goste, mas gosto de estar atento ao que se passa.

    ResponderEliminar
  6. Ah valentão !!!
    Como a vida nunca te custou, será sempre com ligeireza que a lixas a quem sempre teve de trabalhar.
    Saudoso Dr. António. Volta que estás perdoado.

    ResponderEliminar
  7. Senhor Biriato,


    Apesar deste CV, o senhor Passos está a tentar emendar as borradas que o tal suposto engenheiro cá nos fez!.... O tal que agora se bandeia pelos Champs Eliséés... O tal, que não contente com o facto de ter obtido o seu diploma a um domingo, fez tudo por tudo por aparecer no meio de todas as intrigas (projectos, licenciatura, freeport, PT/TVI, and so on.....).

    Por isso discordo quando diz que o senhor Passos é igual ao seu antecessor! Em matéria de compadrio, escandalos e vigarice, é muito inferior!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto qdo alguém justifica erros com erros, falhas com falhas e alguém mau com alguém pior
      Se a justiça funcionar, o Sócrates será condenado… a primeira condenação já aconteceu nas urnas, com a sua derrota e a eleição do actual executivo
      Não obstante, relembro que existem governantes bem piores pois já estão condenados ou próximo disso... apenas para relembrar 4 de um conjunto de famosos executivos PSD liderados por CAVACO SILVA… chefe da bancada parlamentar Duarte Lima, Ministro da Adm. Interna Dias Loureiro, Ministro das Obras Publicas Isaltino Morais e Secretario de Estado dos Assuntos Fiscais Oliveira e Costa… esta escumalha liderou Portugal ao longo de 10 anos, são assassinos e responsáveis pelo BPN (roubo de 4 mil milhões de euros, no mínimo). Perto deles, o Socrates é um menino
      O actual executivo pode estar a tentar endireitar, mas depois de tudo estar em cinzas até pode surgir a Fenix Portugal… mas ai vamos condena-los pelas cinzas, não pela Fenix, já que com tudo destruído facilmente se reconstrói…
      Concluo com a necessária referencia a ter escrito "Biriato", apenas ilustra que a ausência de argumentos leva ao sarcasmo e a sátira.

      Eliminar
    2. Há uma grande diferença entre os dois de que fala. A ilustrá-la basta notar que PPC mora em Massamá, mesmo depois de tantos anos na política, e o outro fulano+família, mal entraram na política, mudaram-se logo para um dos prédios de maior luxo novo-rico de Lisboa. Que o este foi competentíssimo a atingir os objectivos que se propôs ( os dele, não os nossos, claro! )é facto que ninguém pode desmentir. Que o PPC seja capaz- ou queira - dar a volta à situação do país, também não me parece. Para isso seria necessário fazer o que estão a querer fazer os italianos. Isto é, mudar o sistema político. Acabar com a partidocracia. Como os que a criaram e lá moram no quentinho nunca o irão fazer - já está visto - há que criar uma onda que os obrigue a tomar medidas. O problema está nos media, designadamente, na TV. Com os que a fazem actualmente, nunca a onda será criada...

      Eliminar
    3. Oh, cara Karocha, então a morada particular dele não era e é em Massamá? É o que consta do início deste artigo...São Bento é provisório. Esperemos...

      Eliminar
  8. O povo é estúpido e nós vamos a reboque!

    ResponderEliminar
  9. Afinal de contas qual dos Portugueses não gostaria de ter uma sorte assim???
    Sabemos que é pouco, muito pouco, para ser 1º ministro de qualquer país, até mesmo numa républica das bananas como Portugal, mas que dá inveja, lá isso dá!

    ResponderEliminar
  10. q é q interessa o 1º ministro? n faz nada.. interessa é quem está nos lugares técnicos ser isento e não ser mto pressionado políticamente.. se metesses o CV do vitor gaspar com essas habilitações aí sim ficava preocupado.. o primeiro ministro até podia ser o cristiano ronaldo que o resultado era o mesmo! :)

    ResponderEliminar
  11. só há um equivoco no curriculum

    a licenciatura tal coma a de Sócrates foi uma oferta de amigos para não dizerem que o rapaz era analfabeto.

    ResponderEliminar
  12. ESte senhor viriato deve ser algum militante do PS! ou de algum partido de esuerda radical como bloco de esqueerda! Ora corruptos existem em todos os partidos PSD, PS, CDS, Bloco de esquerda e CDU! e não e por terminar a licenciatura aos 37 anos que vai deixar de ser competente nao acha? mais o senhor Socrates com quantos anos terminou que por sinal ate foi a um domingo que me parece estranho! e mais este governo esta a tentar corrigir a asneira maior do anterior governo mais em quantos casos este envolvido o nome do senhor Socrates? e em quantos casos esta o do senhor Passos e so isso, maas se fosse falar td teria aqui mais de uma pagina inteira para lhe abrir os olhos parece o senhor Seguro do PS que so se lembrou de falar em aumentar o prazo de negociaçao com a troika agora mas quando estava no poder o amigo Socrates nao tinha reparado que estava-mos no caminho do abismo e so nao chegamos la porq o ministro da finanças se lembrou antes 2 meses de abrir a boca q so tinha-mos dinheiro para mais 2 meses de salarios para a funçao publica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há aqui de facto uma pequena diferença. O Sócrates fez o bacharelato de engenharia civil num instituto de ensino público. Que lhe permite assinar projectos de construção civil. A licenciatura servia apenas para estar de acordo com o pensar normal dos portugueses. Não lhe servia para nada, mas era o sr. engenheiro e não o sr. engenheiro técnico. Mas quem andou no ISEL e viveu a guerra como IST percebe porque é que o ISEL agora já pertence à universidade técnica apesar da guerra quer do IST quer da Ordem dos engenheiros.
      Mas engenheiro ou doutor ou conde ou marquês é um problema de imagem muito antigo de Portugal.

      Eliminar
    2. Ao contrário do que diz, o Socas não "tirou" o curso no ISEL. Isso é um insulto a uma instituição centenaria e cotada entre as melhores deste pais. A Universidade Independente foi enquanto existiu, Privada. Informe-se antes de comentar:
      http://pt.wikipedia.org/wiki/Universidade_Independente

      Eliminar
    3. Ao Sr Anonimo do post anterior vou-lhe fazer um desenho: O SOCRATES TIROU UM BACHARELATO EM ENGENHARIA NUM INSTITUTO PUBLICO (ISEL). Instituto publico e reputado. A licenciatura foi na Independente, mas antes disso já tinha formação academica e profissional ao nivel de bacharel. Pode ser assim ou tem de ser a cores?

      Eliminar
    4. eu nao preciso de desnho algum sr. anonimo, licenciatura a um domingo? Tirou ou não tirou a licenciatura a um domingo? responda-me se faz favor! Será que os estudantes tiram a semana e para o sr. Socrates e exclussivo so pode ser ao domingo?

      Eliminar
    5. Não tirou nenhuma licenciatura a um domingo, esteja descansado. O professor é que LANÇOU NA PAUTA as notas de 4 (quatro) cadeiras com a data de um domingo. São coisas diferentes.

      As licenciaturas não se "tiram" assim como quem vai ali tomar a bica. Primeiro os alunos são examinados. Depois o professor leva as provas consigo para corrigi-las, geralmente noutro dia. A correção leva senpre algum tempo. Finalmente o professor lança as notas numa pauta. Pode fazê-lo em casa ou na própria universidade. Se o fizer em casa e se for a um domingo, o que é que você tem a ver com isso? O calendário tira valor à qualidade da nota?

      Ou só encontra no domingo o único argumento contra a dita licenciatura?

      Eliminar
    6. Ou és burro como um seixo, ou queres fazer de mim burro? Nao vais faze-lo garanto te! Quer dizer...

      Eliminar
  13. Não percebo como o senhor no curriculum viu tanta coisa como afirma. No entanto estranho como não viu casos como o do BPN, que é na verdade muito mais importante que todos os que aponta. Quero ainda esclarecê-lo que não pertenço a nenhum partido, mas também não tenho nenhum clube. Sou livre e tenho dois olhos para ver e uma cabeça para pensar.

    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/06/13-motoristas-nomeados-por-passos.html

    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/06/bpn-fraude-sem-castigo.html

    ResponderEliminar
  14. Portugal é uma quinta, há os donos da quinta e os restantes animais

    ResponderEliminar
  15. Uma coisa é certa o PPC tem um curriculum invejável no que toca a ser administrador... Outra coisa completamente diferente, é saber se ele faz ou fazia "puto" de ideia do que lá andava a fazer, mas isso também não deve de interessar muito, o que valia mesmo era a transferência no final do mês.

    Já agora, nem me choca muito pois isso passa-se em Portugal há quantos anos? tanto no governo como nas empresas... Quantas vezes nos questionamos como é que é possível x ou y pessoa estar em determinado cargo quando demonstra 0 de capacidade para exercer aquele cargo? muitas vezes não está em causa a capacidade de trabalho mas sim a vocação... Quantas vezes vimos ministros da Economia em que a sua licenciatura era de uma área que nada tinha a ver com Economia? podem dizer-me que para isto estão lá os sec. estado, os acessores, os sub-acessores, and so on... Mas facto é que se queres saber como andam as coisas tens que saber como procurar senão, és mais um "nabo" que lá andas.

    ResponderEliminar
  16. Não era uma destas empresas que apareceu na TV, porque recebia comparticipações para a separação dos resíduos e foi "apanhada" numa de "tudo ao molho e fé em Deus"?
    Era só facturar!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  17. Os conimbricences não têm que se envergonhar, pois o sujeito não o é, tal como o cão por nascer no galinheiro não é galinha.

    Só se votaram nele (é tudo uma questão de ADN)

    ResponderEliminar
  18. Este Sr. é de Vila Real nao de Coimbra...o seu papá era medico( agora reformado) com o mesmo nome...vendia etestados medicos por 1ooo escudos...para sustentar este Z'e ninguem.....devo dizer que isto era uma atividade normal entre a Excelente classe Medica...havia um que era medico tambem na mesma cidade que era socio de uma funeraria em que as pessoas iam la buscar os atestados que acabava o gato pingado de preencher na altura por valores bastante altoa para a altura...entrtanto podia se ver este sr. a confraternizar com os Srs do ministerio publico e juizes na pacata cidade...é triste este povo portugues...tem mil razoes para o ser, nao acham?

    ResponderEliminar
  19. Passos Coelho na decada de 80 andava com o seu amigo Relvas,no Bairro Alto borracho e a cantar fados pelas tascas.O seu pai,quando solteiro,esteve internado no Sanatório do Caramulo,como tuberculoso.Depois emigrou para Angola.Na descolonização assentou arraiais Em Vila Real.Passos Coelho filiou-se na JSD e gostava de afrontar o então Primeiro Ministro,Cavaco Silva,apresentado-se nas reuniões com as calças rotas,ainda não era moda,era um betinho.Todos os seus amigos da JSD,estão agora no Governo ora como Ministros ou secretários de Estado.

    ResponderEliminar